Vacina que não dói tem entre 100 e 300 microagulhas.

Vacina que não dói tem entre 100 e 300 microagulhas.

Criação de japoneses evita contato com terminações nervosas.
Remédio solidificado fica na forma da ponta da agulha e se dissolve.

A Universidade Farmacêutica de Kyoto, no Japão, está desenvolvendo uma injeção que não dói. Para quem tem medo, pode parecer assustador: em vez de uma agulha, são usadas de cem a trezentas, conforme o remédio injetado. Mas são tão pequenas que não atingem as terminações nervosas, portanto não causam dor. Elas ficam presas a um disco, do tamanho de uma moeda. O método também não usa seringa.

As microagulhas desenvolvidas pela equipe do professor Kanji Takada tem meio milímetro de altura.

A metade superior é formada pelo remédio solidificado, que fica na forma da ponta da agulha.

Quando elas são injetadas, o remédio se dissolve e penetra no organismo.

Os pesquisadores garantem que não dói. Então, a reportagem do Jornal Nacional se submeteu a um teste. O disco precisa ficar grudado à pele de 1 a 3 minutos. De fato, não se sente nada. A sensação é como se houvesse uma lixa bem fina sobre a pele. Fica apenas uma pequena marca.

Nos testes com um corante azul, a pele do voluntário ficou cheia de pontinhos. Aos poucos o corante foi se dissolvendo e, 24 horas depois, não havia mais nenhum vestígio.

Segundo os pesquisadores, ainda não foram injetados medicamentos em humanos – isso começa a ser feito até o ano que vem. Mas nos testes em animais, a agulha se mostrou eficiente para injetar insulina e remédios para câncer.

Teoricamente, a agulha pode ser usada para quase todos os remédios e vacinas, com exceção daqueles que precisam ser aplicados em grande quantidade e de uma vez só. Há outra vantagem: o disco não entra em contato com o sangue e é feito de material biodegradável. Pode ser jogado no lixo comum sem o risco de contaminação.

Fonte : Site globo / Jornal Nacional em12/04/2010 – 20:44hs.

Link : http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1566870-5603,00-VACINA+QUE+NAO+DOI+TEM+ENTRE+E+MICROAGULHAS.html

em : 13 de ABR de 2010.

Lembrando que a consulta em links externos após um determinado período é desabilitada pela própria fonte de origem.

Share